Dr. Osvandré Lech Ortopedista Especializado
Em Membro Superior
Entre em Contato
Dr. Osvandré Lech
Entre em contato
Consultas em Passo Fundo
Consultas em Passo Fundo
Consultas em Porto Alegre
Consultas em Porto Alegre


MENU
A FUMAÇA BRANCA, O BIG BROTHER, O LULA, A LOTERIA... QUANTA ESPERANÇA!

O POVO BRASILEIRO É MUITO ESPERANÇOSO. POR DEFINIÇÃO, TALVEZ SEJA O POVO MAIS ESPERANÇOSO DO MUNDO. É SÓ OBSERVAR COM QUE OBSCESSÃO NÓS TODOS depositamos confiança em algo novo, que ainda não conhecemos bem. Todas as vezes que um novo presidente é eleito o fenômeno se renova. Parece que tudo estará resolvido com a posse do novo líder. tem sido assim com Lula, com Fernando Henrique Cardoso, com Fernando Collor de Mello, principalmente. A desilusão aumenta ao longo do mandato, já que as suas promessas não podem ser cumpridas, pois são, na grande maioria das vezes, impossível de serem realizadas naquele período de tempo. Lembra dos "dez milhões de empregos" e do "fome zero" prometidos por Lula durante a campanha? Estão longe de acontecer. O Big Brother da rede Globo e as diversas loterias disponíveis de forma muito acessíveis à população de baixa renda também se incluem nesta corrente de esperança. Todos esperam vencer na vida e se não tiver que fazer força, melhor. Neste momento os católicos, que somam cerca de 1,1 bilhão de pessoas distribuídas nos cinco continentes, e também o restante da humanidade, esperam com alguma curiosidade a fumaça branca do vaticano. Com ela vem o anúncio do nome do novo papa. a imprensa brasileira se utiliza novamente do fator sensacionalista para tratar do tema. divulga resultados acumulados nas casas de aposta inglesas, trata do assunto fazendo ranking entre os mais prováveis palpáveis, cria uma atmosfera de "final de Copa do Mundo" para um assunto que é, digamos, técnico e de concenso. Criando este mundo de expectativa, a imprensa se desvia da sua principal função, que não é de organizar torcida, mas sim de fazer análise crítica e imparcial dos fatos para que os cidadãos possam ter a sua opinião formada. é claro que os 115 cardeais terão muito o que discutir até chegarem a um concenso sobre o nome do novo papa. Afinal, não é todo o dia que se elege alguém para ocupar uma posição que se transformou numa das mais glamourosas do mundo depois do excepcional desempenho de Karol Woytila. Não será simples tal discussão, já que ela abrange da ultradireita (Opus Dei, criada na espanha para defender as ideias do general Franco) até a ultraesquerda (Teoria da Libertação, criada nos países sub-desenvolvidos e baseada no Marxismo). A figura do novo papa, seja ele quem for, não terá a importância que os católicos e os demais brasileiros imaginam que possa ter. mesmo sob o comando do papa-star João Paulo ll, a Igreja Católica diminuiu de tamanho no Brasil neste mesmo período. O controle da natalidade, o calcanhar de aquiles dos nossos problemas sociais, continuará a ser combatido pela Igreja, seja qual linha for vitoriosa. Portanto, nossas esperanças continuarão a se transformar em desencanto. Mas a gente está aprendendo. Análise e lógica são difíceis, sem dúvida. E isto a imprensa se nega a produzir. é melhor torcer... (Matéria publicada no jornal Na Hora, n. 4, maio 2005)




Veja Também:






























Passo Fundo
Rua Uruguai, 2050
Fone: (54) 3045.2000
Porto Alegre
Rua Leopoldo Bier, 825/401
Fone: (51) 3219.2273
Ortopedista e Traumatologista
Especializado em Membro Superior
Ombro, cotovelo, mão e microcirurgia
© Copyright 2017 www.lech.med.br
Todos os Direitos Reservados
VIPWEB Soluções em Tecnologia